Eu cansei de ninguém mais ser sério. Quem diz que ama e aí não é sério (a gente quer os presentes de volta), que diz que tá deprimido na sala de bate-papo do UOL, quem diz que quem usa muito pronome não sabe escrever, quem diz que parou de beber, poeta sem verso, pintor sem quadro, amante sem coração, cansei do que não é sério. Desde pequeno eu quis ser palhaço.